skip to Main Content
Imposto De Renda 2021 – Como Funciona Para Expatriados?

Imposto de Renda 2021 – como funciona para expatriados?

Esclarecemos as principais dúvidas que os expatriados têm sobre o Imposto de Renda 2021 para que você se mantenha distante de problemas fiscais!

Saiba como fica a situação do Imposto de Renda 2021 para quem é expatriado

A época de Declaração de Imposto de Renda é de extrema importância para pessoas físicas e jurídicas manterem a regularidade com as obrigações fiscais, contudo, quando se trata de expatriados, você sabe como essa questão funciona?

Existem diversas dúvidas em torno desse assunto, por isso, ao longo deste conteúdo vamos explicar de forma clara e objetiva sobre o Imposto de Renda 2021 para expatriados.

Imposto de Renda 2021 – como expatriados devem proceder?

Quando um(a) brasileiro(a) decide residir temporariamente fora do país ou um(a) estrangeiro(a) vir para o Brasil, existem obrigações fiscais com a Receita Federal que precisam ser cumpridas.

Por isso, os expatriados precisam se atentar ao Imposto de Renda 2021, sabendo como proceder diante dessa questão.

Alguns países que possuem acordo com o Brasil viabilizam que a bitributação não seja realizada, ou seja, que você não precise arcar com tributação brasileira e no país que está residindo. Contudo, nem sempre isso ocorre.

Dessa forma, em muitos casos é preciso arcar com aspectos como o Imposto de Renda brasileiro.

Sabendo disso, vamos esclarecer as principais dúvidas que identificamos sobre o assunto, de forma a dar informações pertinentes a fim de que você possa manter sua conformidade fiscal.

Em quais situações o expatriado precisa declarar Imposto de Renda 2021?

Em caso de estrangeiros que residem no Brasil, essa questão vai depender do tipo de visto e da intenção de residir permanentemente no país.

Quando o visto é temporário, a exigência de declaração do Imposto de Renda só ocorre após 183 dias no país em um intervalo de 1 ano.

A empresa em que o expatriado atua auxilia no processo?

É de interesse da empresa contratante de um expatriado que todas as questões fiscais estejam em dia.

Por isso, apesar de não ser uma obrigatoriedade, a empresa pode auxiliar para que não ocorram problemas fiscais os quais interfiram na renovação e até mesmo na validade do visto de trabalho.

As taxações e deduções são as mesmas?

Os rendimentos passam a ser tributados como rendimentos pagos a não residente fiscal com retenção de 25% da fonte pagadora.

Contudo, a melhor forma de compreender e se manter em dia com isso é tendo suporte contábil adequado. 

Declaração de Saída Definitiva do País

Quando você opta por residir definitivamente em outro país, é preciso declarar a saída definitiva para a Receita Federal. 

Dessa forma, você garante sua regularidade e não tem problemas fiscais no Brasil.

Logo, atente-se à Declaração de Saída Definitiva do País.

Tenha suporte de especialistas!

Manter tudo isso em plena conformidade demanda conhecimento específico sobre o assunto, por isso, ter o suporte de especialistas é indispensável.

Dessa forma, você pode contar conosco, da Master Consultores! Nossa equipe é especialista no assunto e está preparada para dar todo o suporte necessário para que você não tenha problemas.

Assim, você tem tranquilidade para focar em outras demandas, sem riscos em relação ao Imposto de Renda.

Portanto, basta entrar em contato conosco agora mesmo.

Quero Agendar Uma Reunião - Contabilidade na lapa - SP | Master Consultores

QUERO ENTRAR EM CONTATO!

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

Summary
Imposto de Renda 2021 - como funciona para expatriados?
Article Name
Imposto de Renda 2021 - como funciona para expatriados?
Description
Esclarecemos as principais dúvidas que os expatriados têm sobre o Imposto de Renda 2021 para que você se mantenha distante de problemas fiscais!